Notícias

AESE recorda Manuel Ferreira de Oliveira

, Missa de 7o dia pela alma do Eng. Ferreira de Oliveira. Às 12h00 na Igreja de S. Tomás de Aquino. Expressamente para as pessoas de Lisboa poderem participar.

Missa de 7.º dia

A missa de 7.º dia por alma do Eng. Ferreira de Oliveira será no dia 11 de outubro, às 12h00, na Igreja de S. Tomás de Aquino, para as pessoas residentes na área de Lisboa poderem participar.

A AESE Business School recorda com saudade Manuel Ferreira de Oliveira, enquanto grande amigo, gestor de referência e “um professor fantástico, não só porque explicava bem, mas porque gostava de ensinar”, nas palavras do Presidente da AESE, José Ramalho Fontes.

 Amigos de longa data, José Ramalho Fontes relembra Manuel Ferreira de Oliveira, como alguém deixou ao país “uma enorme criação de valor”: “Era uma pessoa extremamente inteligente e comunicativa, com uma enorme sensibilidade para as pessoas, uma a uma.

Apreciava a AESE e a sua missão institucional e descobriu, na sua relação com a AESE Business School como Professor da escola, o efeito transformador da dimensão experiencial da formação, que ele próprio sofreu num aspeto pessoal concreto. Um gestor brilhante, deixou ao país uma enorme riqueza: nos resultados empresariais, nos processos e negócios lançados, nas pessoas formadas assim como no apoio à direção de Fundações e Hospitais.

 Com um foco analítico de engenheiro e uma capacidade de conhecer tudo desde a estratégia à execução local, tinha uma paixão pela indústria do Oil & Gas que se iniciou na Venezuela, passou por Londres e se implementou em Portugal, Angola e Brasil, e que o levou a considerar que se podia controlar tudo. Nos últimos anos na Galp, estava entusiasmado (e desiludido, depois) com a descoberta do gás no Norte de Moçambique.

 Mesmo a sua passagem pela Unicer foi vivida como uma aplicação dos processos industriais de produtos para consumo final porque entregar 1 litro de cerveja ou um litro de gasóleo ao consumidor, é idêntico, satisfaz necessidades homólogas.”