Carlos Jorge Simões

O PADIS foi uma experiência muito interessante e compensadora, desde logo pelo excelente ambiente de trabalho e convívio que nos foi proporcionando ao longo do programa.

Surpreendeu-me, pela organização e rigor que impunha. Os horários, a pontualidade dos professores, toda a informação disponibilizada e o profissionalismo com que era preparada cada sessão, demonstrava o nível elevado de experiência acumulada.

O cuidado que tiveram na organização de cada grupo de trabalho, pela sua heterogeneidade, veio a revelar-se de extrema importância para a discussão e análise dos casos, devido à diferente formação e experiência profissional de cada elemento. Este entendimento no seio de cada grupo, rapidamente favoreceu e enriqueceu a discussão das matérias em sala de aulas.

O Método do Caso penso que é uma forma excelente de abordar as várias matérias, pois permitia-nos fazer um estudo prévio em casa, o que se tornou uma rotina muito interessante, e depois discutir o caso em grupo, ouvindo as várias perspetivas de todos os elementos, que muitas das vezes não estavam em sintonia, o que vinha ainda mais aprofundar a discussão. Culminava esta com a abordagem dos excelentes professores, nas conferências / colóquios, que demonstravam um conhecimento profundo das situações e uma abordagem deveras interessante que levava os alunos a uma interação constante.

De salientar a pertinência, elevada qualidade e diversidade dos casos apresentados, que vieram acrescentar muito aos nossos conhecimentos e que se ajustam à nossa prática diária.

Neste grupo, apesar de muitos não se conhecerem anteriormente, creio que todos sentiram uma enorme amizade, cumplicidade, solidariedade e companheirismo, que vai ficar para sempre.

Muito importante no decorrer do programa, foram os momentos de convívio, nomeadamente o momento do almoço de trabalho que ocorria todas as semanas, antes da sessão da tarde, assim como a visita a Navarra, que para além da componente didática da mesma, também foi um momento de conhecimento mútuo e troca de experiências, que veio cimentar a relação entre os participantes.


Carlos Jorge Simões
Vogal Executivo do Conselho de Administração
Centro Hospitalar do Baixo Vouga