Luís Pisco

Não pertencendo ao núcleo de pessoas que trabalham no setor hospitalar, foi com agrado e alguma surpresa que me senti rapidamente integrado e identificado com o grupo de participantes no PADIS IV, dirigido preferencialmente para a formação de Dirigentes Hospitalares.

 

Foi de algum modo inesperada, a rapidez com que se desenvolveu um espírito de grupo, com um ambiente muito propício à participação e discussão dos temas propostos, beneficiando das diferentes experiências, profissões e saberes em presença. A utilização do método do caso e a discussão em pequenos grupos, permitiu tirar o maior proveito da discussão multiprofissional facilitando a aprendizagem e a troca de conhecimentos e experiências prévias.

 

A organização de todo o programa aproxima-se muito da perfeição, com aspetos que facilitam enormemente a vida aos participantes, nomeadamente as facilidades de estacionamento, as modernas e funcionais instalações com excelentes auditórios e salas para o trabalho de grupo, sem esquecer o restaurante com excelente serviço e elevada qualidade. De salientar ainda a qualidade do material de apoio e o horário semanal dividido numa tarde e manhã. O extremo cuidado com todos os detalhes e a atenta supervisão do Dr. Fonseca Pires fazem com que tudo corra de forma perfeita.

 

Se a organização colhe os mais rasgados elogios, (não estivéssemos nós numa Escola de Direcção e Negócios) o nível científico e pedagógico dos Professores nacionais e estrangeiros é muito elevado. Aliam competência, valores, experiência e capacidade de comunicação, que tornam a tarefa de aprender os princípios da boa gestão e da boa governação numa tarefa fácil e aliciante.

 

Não queria deixar de referir o útil e interessante que foi a visita à Clínica Universitária de Navarra. Por um lado, pelo muito que se viu e aprendeu em relação a boas práticas de gestão e organização e, por outro, o convívio que permitiu e o consequente aumento de coesão e espírito de grupo.

 

Para um Médico de Família com responsabilidades de coordenação de uma equipa de missão, foram 12 semanas bem preenchidas de trabalho, amizade e novos conhecimentos. Valeu claramente a pena.

 

 

Luís Pisco

Coordenador | Missão Cuidados de Saúde